Vítimas de chacina em Camaçari tinham entre 17 e 27 anos.


As vítimas da chacina na Rua Acajutiba, bairro Gleba C, em Camaçari, região metropolitana de Salvador, foram identificadas pela polícia. Os quatro jovens mortos perto de uma praça onde acontecia uma festa conhecida como "paredão" tinham entre 17 e 27 anos. Alcimar Leonel Vila Nova, 27 anos, Italo José de Azevedo Araújo, 22, Rodrigo Marcelo Silva de Oliveira, 19, e o adolescente de 17 anos, identificado pelas iniciais J. F. S. J., chegaram a ser socorridos por ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas não resistiram. Em um vídeo gravado no momento da confusão, é possível ver que há muita gente no local. Quando os disparos são efetuados, há correria e pânico entre os populares. A polícia informou que nenhuma outra pessoa foi baleada além das quatro vítimas. [Veja vídeo acima] De acordo com a titular da Delegacia de Homicídios Maria Tereza Santos, o crime ocorreu no domingo (1º), mesmo dia em que eram realizadas comemorações de um "baba de saia" no mesmo lugar. A delegada informou, contudo, que ainda não é possível vincular as quatro mortes aos eventos. Autoria, circunstâncias e motivação para o crime ainda estão sendo investigadas. Até esta segunda-feira (2), ninguém havia sido preso. A Secretaria de Segunça Pública da Bahia (SSP-BA) informou que os jovens eram suspeitos de homicídios em Camaçari. A secretaria e a polícia não informaram, no entanto, se as vítimas tinham passagem.Fonte:G1 Bahia.