Propaganda

Beauty



Será inaugurada nesta quarta-feira (31/1), a nova sede do Fórum Clemente Mariani. A cerimônia, marcada para as 10h, vai contar com a presença do prefeito Elinaldo Araújo, demais autoridades locais, além de representantes do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA). Para a construção do novo prédio, a Prefeitura de Camaçari doou um terreno de 6,6 mil metros quadrados. Do espaço total disponibilizado, 4,5 mil metros quadrados serão de área construída. Localizado em frente ao prédio que abrigava o antigo fórum, no Centro Administrativo, a nova sede representará um investimento na ordem de R$ 16 milhões, feito pelo TJ-BA. O prédio terá seis pavimentos e capacidade para acomodar 15 varas judiciais. A estrutura atual do antigo fórum comporta apenas dez varas. Com a construção do novo fórum, o Tribunal de Justiça irá ceder ao município os dois prédios onde atualmente funcionam as varas judiciais. A nova sede permitirá a ampliação na oferta de serviços e um núcleo de mediação e conciliação também integrará a nova sede da Justiça, que vai contar também com representação de importantes órgãos, a exemplo da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Ministério Público da Bahia (MP-BA) e Defensoria Pública. Autor: Ascom/PMC.

FÓRUM DE CAMAÇARI Nova sede será inaugurada nesta quarta (31).



Será inaugurada nesta quarta-feira (31/1), a nova sede do Fórum Clemente Mariani. A cerimônia, marcada para as 10h, vai contar com a presença do prefeito Elinaldo Araújo, demais autoridades locais, além de representantes do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA). Para a construção do novo prédio, a Prefeitura de Camaçari doou um terreno de 6,6 mil metros quadrados. Do espaço total disponibilizado, 4,5 mil metros quadrados serão de área construída. Localizado em frente ao prédio que abrigava o antigo fórum, no Centro Administrativo, a nova sede representará um investimento na ordem de R$ 16 milhões, feito pelo TJ-BA. O prédio terá seis pavimentos e capacidade para acomodar 15 varas judiciais. A estrutura atual do antigo fórum comporta apenas dez varas. Com a construção do novo fórum, o Tribunal de Justiça irá ceder ao município os dois prédios onde atualmente funcionam as varas judiciais. A nova sede permitirá a ampliação na oferta de serviços e um núcleo de mediação e conciliação também integrará a nova sede da Justiça, que vai contar também com representação de importantes órgãos, a exemplo da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Ministério Público da Bahia (MP-BA) e Defensoria Pública. Autor: Ascom/PMC.