Propaganda

Beauty




A Fanfarra Estudantil de Camaçari (Fanesc) trouxe para Camaçari e para a Bahia o título inédito de campeã nacional na categoria Fanfarra Marcial Sênior. A conquista ocorreu no XXIV Campeonato Nacional de Bandas, realizado em Aracaju, no estado de Sergipe, nos dias 9 e 10 de dezembro. A apresentação vitoriosa contou com entrada e duas peças musicais executadas paradas, Apolo e Atena, que são músicas clássicas, e, na saída, levou o público ao delírio com coreografia ao som de “La bamba”. A Fanesc foi bastante elogiada pelo aspecto visual, principalmente no figurino inspirado nos mosqueteiros, pela marcialidade e pela musicalidade. E com 92% dos pontos foi consagrada a campeã. Além do corpo musical, a Fanesc foi campeã nacional nos periféricos, como é chamada a linha de frente, na placa, pelotão cívico, mor, balizadores feminina e masculina e no corpo coreográfico. O presidente de honra da Fanesc, Evandro Amaro, falou sobre a conquista do título. “Depois desses 22 anos de muito trabalho e dedicação, conseguimos sair pela primeira vez para competir fora do estado. Por sermos pentacampeã baiana, fomos habilitados para participar do campeonato nacional”, afirmou emocionado. O presidente aproveitou para agradecer o suporte da Prefeitura de Camaçari para que essa conquista fosse possível. O apoio da prefeitura foi realizado através das secretarias do Governo (Segov), da Cultura (Secult) e da Educação (Seduc). O campeonato foi promovido pela Confederação Nacional de Bandas e Fanfarras (CNBF) e contou com a participação de 45 bandas e fanfarras de todo o Brasil, apenas duas da Bahia. Autor: Ascom/PMC.

Fanfarra de Camaçari conquista título nacional inédito.




A Fanfarra Estudantil de Camaçari (Fanesc) trouxe para Camaçari e para a Bahia o título inédito de campeã nacional na categoria Fanfarra Marcial Sênior. A conquista ocorreu no XXIV Campeonato Nacional de Bandas, realizado em Aracaju, no estado de Sergipe, nos dias 9 e 10 de dezembro. A apresentação vitoriosa contou com entrada e duas peças musicais executadas paradas, Apolo e Atena, que são músicas clássicas, e, na saída, levou o público ao delírio com coreografia ao som de “La bamba”. A Fanesc foi bastante elogiada pelo aspecto visual, principalmente no figurino inspirado nos mosqueteiros, pela marcialidade e pela musicalidade. E com 92% dos pontos foi consagrada a campeã. Além do corpo musical, a Fanesc foi campeã nacional nos periféricos, como é chamada a linha de frente, na placa, pelotão cívico, mor, balizadores feminina e masculina e no corpo coreográfico. O presidente de honra da Fanesc, Evandro Amaro, falou sobre a conquista do título. “Depois desses 22 anos de muito trabalho e dedicação, conseguimos sair pela primeira vez para competir fora do estado. Por sermos pentacampeã baiana, fomos habilitados para participar do campeonato nacional”, afirmou emocionado. O presidente aproveitou para agradecer o suporte da Prefeitura de Camaçari para que essa conquista fosse possível. O apoio da prefeitura foi realizado através das secretarias do Governo (Segov), da Cultura (Secult) e da Educação (Seduc). O campeonato foi promovido pela Confederação Nacional de Bandas e Fanfarras (CNBF) e contou com a participação de 45 bandas e fanfarras de todo o Brasil, apenas duas da Bahia. Autor: Ascom/PMC.