Propaganda

Beauty



Um cantor de pagode morreu após bater o carro que dirigia em um veículo na madrugada desta sexta-feira (22), na rodovia Assis Chateubriand, em Olímpia (SP). Segundo o Corpo de Bombeiros, Rafael Elias da Silva Costa, conhecido como Peleleco, dirigia o carro quando houve a colisão frontal com outro veículo. Ele estava acompanhado da filha, de 10 anos, que passou por exames e permanece internada sem riscos. Peleleco chegou a ser socorrido com uma fratura no fêmur, foi levado para a Santa Casa da cidade, mas não resistiu aos ferimentos. Outras três pessoas ficaram feridas na colisão, mas não tiveram o estado de saúde divulgado. O trecho não chegou a ficar interditado e a causa do acidente será investigada pela polícia. (G1)

Cantor de pagode morre após batida entre carros em rodovia de Olímpia.



Um cantor de pagode morreu após bater o carro que dirigia em um veículo na madrugada desta sexta-feira (22), na rodovia Assis Chateubriand, em Olímpia (SP). Segundo o Corpo de Bombeiros, Rafael Elias da Silva Costa, conhecido como Peleleco, dirigia o carro quando houve a colisão frontal com outro veículo. Ele estava acompanhado da filha, de 10 anos, que passou por exames e permanece internada sem riscos. Peleleco chegou a ser socorrido com uma fratura no fêmur, foi levado para a Santa Casa da cidade, mas não resistiu aos ferimentos. Outras três pessoas ficaram feridas na colisão, mas não tiveram o estado de saúde divulgado. O trecho não chegou a ficar interditado e a causa do acidente será investigada pela polícia. (G1)